Discografia

Steppin' Onto The Scene 


Steppin' onto the Scene é o EP de estréia do grupo de hip hop americano "Bassmint Productions", que foram mais tarde renomeado "Soul Intent" em 1992.
Este EP foi produzido por Manix e auto-lançado em cassete em 1990. Ele tinha dois lados, o M&M Side e The Chaos Side. O "M&M Side" foi totalmente realizado e escrito por Eminem (então conhecido como "M&M"), enquanto o "The Chaos Side" foi totalmente realizado e escrito por Chaos Kid. O EP nunca foi lançado comercialmente, e assim, o seu conteúdo se tornou muito raro.

Veja agora as músicas que continham nos dois lados do EP:
The M&M Side

 "Steppin' On To The Scene"
 "Fattest Skinny Kid Alive"
 "Under New Management

The Chaos Side

 "Style-O-Maniac"
 "Enuff Is Enuff"
 "Lord Have Mercy"

Still in the Bassmint: 1992


Still in the Bassmint é o segundo EP do grupo de hip hop americano "Soul Intent", que tinha o rapper Eminem.
Lançado em 06 de setembro de 1992, o EP contém dois conjuntos de trilhas: "The Soul Side" e "The Intent Side". Apenas lançado em fita cassete, o EP nunca foi lançado comercialmente e, portanto, seu conteúdo tornou-se muito raro também.
Veja as músicas que continham no EP:

 "Unreallistically Graphic" (performed by Eminem)
 "The Day It Dawned" (performed by Chaos Kid)
 "One-Handed Juggler" (performed by Eminem)
 "Conceptual Corrections" (performed by Chaos Kid)
 "Soul Intent" (performed by Soul Intent)

Soul Intent 1995


Soul Intent é o terceiro EP do grupo de rap "Soul Intent". 
Lançado somente em fita cassete em 25 de fevereiro de 1995 através da gravadora "Mashin' Duck Records", o EP não foi disponibilizado comercialmente. 
Na época de seu lançamento, Eminem ainda era conhecido pelo seu nome artístico original de "M&M". 
Um ano após o lançamento de "Soul Intent" , Eminem lançou seu primeiro álbum solo, "Infinite". 
O EP contém apenas duas faixas diferentes, mas inclui um total de cinco versões diferentes. 

Veja as músicas que continham nesse EP: 

 "Fuckin' Backstabber" (Skit)
 "Fuckin' Backstabber" (featuring Proof)
 "Biterphobia" (featuring DJ Buttafingaz)
 "F%#@!n' Backstabber" (Clean Radio Version)
 "Biterphobia" (Clean Radio Version)

Infinite


Infinite é o primeiro álbum de estúdio do Eminem, lançado de forma independente em 1996 pela Web Entertainment. O álbum foi gravado e produzido em 1995 com a ajuda dos Bass Brothers, e de Kon Artis, Proof e Eye-Kyu, seus companheiros de D12.
História

Infinite é o primeiro álbum completo lançado profissionalmente por Eminem. O álbum foi escrito e gravado em 1995. A esta altura, o primeiro álbum era concebido, e Eminem pretendia utilizar o nome M&M. No entanto, ele mudou o seu nome após o lançamento oficial do seu primeiro single, no início de 1995. Infinite marca a estréia do nome "Eminem".
O álbum só foi lançado em cassete e vinil, e foi originalmente vendido através do próprio cantor. Apenas 1.000 cassetes e 100 vinis foram feitos. As cópias do disco compacto são encontrados geralmente em lojas como eBay. A canção "Backstabber" é uma versão recortada de uma canção chamada "Fuckin' Backstabber", que foi inicialmente lançada na fita demo Soul Intent.
O álbum recebeu opiniões mistas da crítica, e foi de dentro da comunidade do hip hop que surgiu acusações de que Eminem copiava o estilo de outros rappers, particularmente Nas e AZ. Eminem recorda:

"Obviamente, eu era jovem e influenciado por outros artistas, e eu tenho um monte de comentários dizendo que eu soava como Nas e AZ. Infinite era eu tentando descobrir como eu queria o meu estilo de rap, como eu queria o som no microfone e as minhas apresentações. Era um estágio de crescimento"

Faixas

Infinite
Wego (Interlude)
It's Okay feat Eye-Kyu
313 feat Eye-Kyu
Tonite
Maxine feat Kon Artis, Thyme
Open Mic feat Thyme
Never 2 Far feat Kon Artis
Searchin
Backstabber
Jealousy Woes II

The Slim Shady EP


The Slim Shady EP é um EP lançado pelo Eminem em 1997 pela gravadora Web Entertainment. Foram lançados em cassetes e CDs e aproximadamente 250 cópias foram vendidas, de acordo com uma entrevista que Eminem fez no Zane Lowe. O CD demo passou a ser altamente procurado depois que uma cassete original alcançou o valor de 500 dólares no mercado eletrônico eBay, entretanto, foi pirateado extensivamente desde que Eminem se tornou famoso, as cópias originais são extremamente raras e dificeis de achar.
A Web Entertainment disponibilizou uma versão promocional de The Slim Shady EP, no outono de 1997. Foi um cassete de quatro faixas. As quatro músicas do cassete foram, "Just Don't Give a Fuck", "Murder, Murder", "Just The Two of Us" e "Low Down, Dirty". Essas fitas foram distribuídas gratuitamente por Eminem em shows de hip hop em Detroit e nas Olimpíadas de Rap em 1997 em Los Angeles.

Faixas

Intro Slim Shady
Low Down, Dirty
If I Had
Just Don't Give A Fuck
Mommy (skit)
Just The Two Of Us
No One's Lller (feat Swifty, Bizarre, Fuzz Scoota)
Murder, Murder
If I Had (edição de rádio)
Just Don't Give A Fuckc (edição de rádio)

The Slim Shady LP


The Slim Shady LP é o segundo álbum do Eminem, lançado em 1999. Foi o primeiro álbum de Eminem lançado pela gravadora Aftermath Entertainment de Dr. Dre. O álbum foi muito bem recebido tanto pela crítica quanto no comercial. Estreiou em #2 na TLC's Fanmail, vendendo 283 mil cópias em sua primeira semana. O álbum recebeu o certificado de platina quatro vezes pela RIAA. The Slim Shady LP vendeu mais de 9 milhões de unidades no mundo todo, sendo que o primeiro single não oficial foi "Just Don't Give a Fuck". O primeiro single oficial foi "My Name Is".


Faixas

Public Service Announcement
My Name Is
Guilty Conscience
Brain Damage
Paul (skit)
If I Had
97' Bonnie & Clyde
Bitch (skit)
Role Model
Lounge (skit)
My Fault
Kan Kaniff (skit)
Cum On Everybody
Rock Bottom
Just Don't Give A Fuck
Soap (skit)
As The World Turns
I'm Shady
Bad Meets Evil
Still Don't Give A Fuck

The Slim Shady LP Special Edition Bonus Disc


O The Slim Shady Lp Edição Especial vem com um CD bônus. O CD 1 é igual ao The Slim Shady LP,e o CD bônum vem com mais 3 músicas, incluindo acapella.

Faixas CD 2

Hazardous Youth (Acapella)
Get You Mad (Sway & King Tech Feat. DJ Revolution)
Greg (Acapella)

The Marshall Mathers LP


The Marshall Mathers LP é o terceiro álbum de estúdio do Eminem, foi lançado em 23 de Março de 2000. Este álbum está na lista dos 200 álbuns definitivos no Rock and Roll Hall of Fame.
Como evidenciado pela decisão de Eminem de incluir seu nome real no título do álbum, este é um álbum mais sério e pessoal do que o álbum de estréia The Slim Shady LP, que caracterizou mais seu personagem exagerado Slim Shady. As músicas deste CD é mais direcionada a sua ascensão à fama e ataca aqueles que criticaram seu primeiro álbum.
Durante a primeira semana, o álbum vendeu 1,760,049 de cópias, transformando no álbum de rap mais vendido da história, mais que dobrando o número de vendas do de estréia do rapper Snoop Dogg, Doggystyle e o de Britney Spears que era o primeiro em vendas na primeira semana de um artista solo. The Marshall Mathers LP é o álbum mais vendido de Eminem, terminou o ano 2000 com mais de 7.9 milhões de cópias vendidas, e alcançou 9x Platina em 2007. No total vendeu 22 milhões de cópias no mundo

Faixas

Public Service Announcement 2000
Kill You
Stan (Feat Dido)
Paul (skit)
Who Knew
Steve Berman (skit)
The Way I Am
The Real Slim Shady
Remember Me? (Feat RBX & Sticky Fingaz)
I'm Back
Marshall Mathers
Ken Kiniff (skit)
Drug Ballad ( Feat Dina Rae)
Amityville ( Feat Bizarre)
Bitch Please II (Feat Dr. Dre, Snoop Dpgg, Xzibit & Nate Dogg)
Kim
Under The Influence (Feat D12)
Criminal

The Marshall Mathers LP Special Edition Disc 

 
O The Marshall Mathers Edição Especial contém 2 CD's, o CD1 é igual ao The Marshall Mathers LP e o CD2 contém músicas bônus com acapellas, instrumentais, vídeos, outras versões e remix.


Faixas

 The Real Slim Shady (instrumental)
 The Way I Am (instrumental)
 Stan (instrumental)
 The Kids (explicit version)
 The Way I Am (Danny Lohner remix) [featuring Marilyn Manson]
 The Real Slim Shady (video - directors cut)
 The Way I Am (video)
 Stan (video - directors version)

D12 Devils Night


Devils Night é o primeiro álbum de estúdio do D12. Foi lançado no dia 19 de junho de 2001 pela Shady Records, gravadora de Eminem, integrante do grupo e também produtor do álbum, em parceria com a Interscope Records. O álbum levou dois discos de platina e teve "Purple Pills", "Fight Music" e "Shit on You" como singles.

Faixas 

Another Public Service Announcement
Shit Can Happen
Pistol Pistol
Bizarre (skit)
Nasty Mind (feat. Truth Hurts)
Ain't Nuttin' But Music
American Psycho
That's How (skit)
That's How...
Purple Pills
Fight Music
Instigator
Pimp Like Me (feat. Dina Rae)
Blow My Buzz
Obie Trice (skit) (feat. Obie Trice)
Devils Night
Steve Berman (skit)
Revelation
Girls

Devils Night Bonus Disc


O Devils Night CD Bônus vem com 2 CD's, o CD1 é igual ao Devis Night e o CD2 vem com 3 músicas adicionais.

Faixas

Shit On You
Words Are Weapons
These Drugs

The Eminem Show


The Eminem Show é o quarto álbum do Eminem após assinar com uma grande gravadora, a Aftermath Entertainment, e o primeiro álbum da Shady Records. Foi lançado no dia 26 de maio de 2002, nos Estados Unidos. O álbum ia sair no dia 4 de junho mas foi antecipado porque o álbum inteiro vazou na internet bem antes do lançamento. Este álbum está na lista dos 200 álbuns definitivos no Rock and Roll Hall of Fame
Foi o álbum mais vendido do ano de 2002, com 7.6 milhões de cópias vendidas até o final do ano. No Grammy Awards de 2003, foi eleito o álbum do ano. O álbum ganhou o certificado de platina nove vezes pela RIAA e vendeu 20 milhões de álbuns no mundo todo. Em 2003, o álbum estava em 317 no ranking da revista Rolling Stone na lista dos 500 melhores álbuns de todos os tempos.

Faixas

Curtains Up (skit)
White America
Business
Cleanin' Out My Closet
Square Dance
The Kiss (skit)
Soldier
Say Goodbye Hollywood
Drips (Feat Obie Trice)
Without Me
Paul Rosenberg (skit)
Sing For The Momente
Superman feat (Dina Rae)
Hailie's Song
Steve Berman (skit)
When The Music Stops (Feat D12)
Say What You Say (Feat Dr.Dre)
Till I Collapse (Feat Nate Dogg)
My Dad's Gone Crazy (Feat Hailie Jade)
Curtain Close (skit)

8 Mile Soundtrack (Edição limitada do The Shady/Aftermath Sampler) 


Music from and Inspired by the Motion Picture 8 Mile é o álbum da trilha sonora oficial do filme 8 Mile, lançado no Brasil com o título 8 Mile: Rua das Ilusões, estrelado pelo Eminem. Foi lançado em 29 de outubro de 2002 pela gravadora Shady Records. Destaque para a música "Lose Yourself", ganhadora do Oscar de melhor canção.

Faixas

Lose Yourself (Eminem)
Love Me (Eminem, 50 Cent, Obie Trice)
8 Mile (Eminem)
Adrenaline Rush (Obie Trice)
Places To Go (50 Cent)
Rap Game ( D 12, 50 Cent)
8 Mile and Runnin' (Jay-Z, Freeway)
Spit Shine (Xzibit)
Time Of My Life (Macy Gray)
U Wanna Be Me (Nas)
Wanksta (50 Cent)
Wasting My Time (Bookat)
R.A.K.I.M. (Rakim)
That's My Nigga Fo' Real (Young Zee)
Battle (Gang Starr)
Rabbit Run (Eminem)

Outras canções do 8 Mile

Shook Ones Pt.II (Mobb Deep)
Juicy (The Notorious B.I.G.)
Gotta Get Mine (MC Breed, 2Pac)
Feel Me Flow (Naughty By Nature)
Player's Ball (Outkast)
Get Money (Junior M.A.F.I.A.)
You're All I Need (Method Man, Mary J, Blige)
Shimmy Shimmy Ya (Ol' Dirty Bastard)
Bring Da Pain (Methoud Man)
C.R.E.A.M. (Wu-Tang Clan)
Runnin' (The Pharcyde)
Survival Of The Fittest (Mobb Deep)
Temptations ( 2Pac)

Deluxe Edition: Disco Bônus

Rap Game (Obie Trice)
Stimulate (Eminem)
Till I Collapse (freestyle) (50 Cent)
Gangsta (Joe Beast)
The Weekend (Blooklyn)
Clifornia (Shaunta)

Straight from the Lab 


Straight from the Lab é o segundo EP lançado pelo Eminem. Embora serem gravações não autorizadas (sendo distribuídas principalmente através da Internet) a coleção foi lançada comercialmente na Europa, através da Universal Music, com a adição de várias faixas bônus independentes.
Notas
A canção "We Are Americans" foi lançada no quarto álbum de estúdio de Eminem, Encore, como "We as Americans" com adição de efeitos especiais como uma faixa bônus.
A canção "Love You More" foi lançada no quarto álbum de estúdio Encore como uma faixa bônus.
A canção "Come on In" foi lançada no segundo álbum de estúdio do D12, D12 World, como "6 in the Morning", mas não houve mudanças na canção, apenas no título.

Faixas

Monkey See, Monkey Do
We As Americans
Love You More
Can-I-Bitch
Bully
Come On In (Feat D12)
Doe Rae Me (Feat D12, Obie Trice)

The Singles 


The Singles é um box set do Eminem, lançado em 2003. É constituído de 10 singles, cada um em um CD diferente, além de seus remixes, e de outras canções. Uma mesma versão internacional foi lançada fora dos Estados Unidos, com o nome de International Singles, com os mesmos discos mas com uma arrumação diferente.

Faixas

Disco 1

My Name Is (Slim Shady Radio Edit)
My Name Is (Versão explicita)
My Name Is (Instumental)

Disco 2

Guilty Conscience (Versão de rádio com tiros)
Guilty Conscience (Versão do album)
Guilty Conscience (A cappella)
My Name Is (Video Promocional)

Disco 3

The Real Slim Shady
Bad Influence
The Real Slim Shady (Instrumental)
My Fault (Pizza Mix)

Disco 4

The Way I Am (Versão não editada)
The Kids (Versão não editada)
97' Bonnie & Clyde
Steve Berman (skit)
The Way I Am (DVD)

Disco 5

Without Me
The Way I Am (Dabby Lohner Remix)
Without Me (A cappella)
Without Me (Instrumental)

Disco 6

Sing For The Momente
Rabbit Run
Sing For The Momente (Instrumental)
Sing For The Momente (Faixa multimidia)

Disco 7

Cleanin' Out My Closet
Stimulate
Cleanin' Out My Closet (Instrumental)
Cleanin' Out My Closet (Faixa multimidia)

Disco 8

Stan (Edição de rádio)
Guilty Conscience (Versão de rádio com tiros)
Hazarduos Youth (A cappella)
Get You Mad

Disco 9

Lose Yourself
Lose Yoursef (Instrumental)
Renegade
Lose Yourself (Faixa multimidia)
Trailer do Filme 8 Mile (Video)

Disco 10

Business
Bump Heads (Feat G-Unit)
Business (Acappella)
Business (ao vivo) (Video)

Disco 11

Wanksta (Versão de Eminem)

D12 World


D12 World é o segundo álbum de estúdio do grupo D12, lançado em 27 de abril de 2004. Existe também uma versão limitada em DVD contendo as versões originais dos vídeos das músicas My Band e 40 Oz. Foram vendidas 604,000 copias na primeira semana, segundo o U.S. Billboard 200 D12 World teve sua estréia no topo das principais paradas dos EUA, Reino Unido e Austrália e no número 2 na Alemanha, conseguindo mais de 0,5 milhões de cópias nos primeiros dias somente nos EUA. "My Band", o primeiro single foi um sucesso, conseguindo o número um na Austrália e na US Rhythmic Top 40, esteve também no top 5 no Reino Unido e Alemanha e no top 10 da Billboard Hot 100.

Faixas

 Git Up
 Loyalty [featuring Obie Trice]
 Just Like U
 I'll Be Damned
 Dude (skit)
 My Band
 U R The One
 6 In The Morning
 How Come
 Leave Dat Boy Alone
 Get My Gun
 Bizarre (skit)
 Bitch
 Steve's Coffee House (skit)
 D12 World
 40 Oz
 Commercial Break
 American Psycho II [featuring B-Real]
 Bugz 97 (skit)
 Good Die Young
 Keep Talkin (bonus track)


Bonus CD

Faixas

Barbershop
Slow Your Roll

Encore


Encore é o quinto álbum de estúdio lançado pelo Eminem. O álbum era para ter sido lançado dia 16 de novembro de 2004, mas foi antecipado para o dia 12 de novembro por causa do vazamento na internet.

Encore vendeu 710,000 nos três primeiros dias do lançamento, no entanto estreou em #1 lugar na Billboard Top 200 da semana. Na semana seguinte, foram vendidas 871,000 cópias estimadas, ficando mais uma vez em #1 na semana. O álbum vendeu 1.582.000 cópias em suas primeiras duas semanas do lançamento, no Estados Unidos, em novembro de 2004.
Eventualmente, em 27 de dezembro de 2007, a RIAA certificou o álbum quatro vezes platina nos Estados Unidos, e ficando como terceiro álbum mais vendido em 2004, com 3,517,097 de unidades vendidas, e vigésimo sétimo mais vendido em 2005 com vendas de 1,385,256, totalizando 5.1 milhões de cópias até outubro 2008. Vendeu cerca de 11 milhões de cópias no mundo todo.
Encore foi nomeado para disputar o Grammy Awards em 2005 para "Melhor Álbum de Rap", mais perdeu para The College Dropout do rapper Kanye West. Era a primeira vez que Eminem não levava essa categoria, desde The Slim Shady LP, The Marshall Mathers LP, e The Eminem Show. A canção "Encore", que conta com a participação de 50 Cent e Dr. Dre, foi indicada para disputar o Grammy em 2006 na categoria "Melhor Performance de Rap por um Duo ou Grupo". A canção "Mockingbird" também foi indicada ao Grammy em 2006 na categoria "Melhor Performance de Rap Solo", mas perdeu para "Gold Digger" de Kanye West.

Faixas

Curtains Up (skit)
Evil Deeds
Never Enough (Feat Nate Dogg, 50 Cent)
Yellow Binck Road
Like Toy Soldiers
Mosh
Puke
My 1st Single
Paul (skit)
Rain Man
Big Weenie
Em Calls Paul (skit)
Just Lose It
Ass Like That
Spend Some Time (Feat Obie Trice, Star Qou, 50 Cent)
Mockingbird
Crazy In Love
One Shot 2 Shot (Feat D 12)
Final Thougtht
Encore/Curtains Down (Feat Dr. Dre, 50 Cent)

Encore Bonus Disc


O Encore CD Bônus contém 2 CD's, o CD1 é igual ao dp Encore, e o CD2 tem 3 músicas adicionais.

Faixas

 We As Americans
 Love You More
 Ricky Ticky Toc

Curtain Call: The Hits


Curtain Call: The Hits é um álbum dos maiores hits do Eminem, foi lançado em 6 de dezembro de 2005 em parceria com as gravadoras Aftermath, Interscope e Shady. O álbum contém suas canções mais populares, além de quatro novas faixas, uma versão ao vivo de "Stan" feat. Elton John e três canções inéditas, "Fack", "Shake That" feat. Nate Dogg e "When I'm Gone". A edição especial também foi lançada, que incluiu um segundo CD, chamado "Stan's Mixtape", que incluía uma seleção de faixas menos conhecidas.
O álbum estreou em #1 na parada de álbuns britânica UK Albums Chart após dois dias de vendas, de forma semelhante ao seu álbum anterior Encore. O livreto do álbum contém imagens de toda a carreira de Eminem, incluindo o desempenho no Grammy Awards de 2001 com Elton John, uma foto do grupo D12, uma imagem do vídeo de "Superman", a capa de The Marshall Mathers LP, e imagens anteriormente apresentadas nos livretos de seus álbuns anteriores.
Uma "versão limpa" do álbum também está disponível. Ela remove tanto "Intro" e "Fack" e move "My Name Is" para a faixa um. As faixas parecem exatamente como elas apareceram nas versões limpas de seus respectivos álbuns. Faixas como "The Way I Am" e "Stan" tiveram as palavras "shit" e "ass" removidas.

Faixas

Intro
Fack
The Way I Am
My Name Is
Stan (Feat Dido)
Lose Yourself
Shake That feat Nate Dogg
Sing For The Moment
Without Me
Like Toy Soldiers
The Real Slim Shady
Mockingbird
Guilty Conscience feat Dr. Dre
Cleanin' Out My Closet
Just Lose It
When I'm Gone
Stan Live (Feat Elton John)

Bonus CD

Faixas

 Dead Wrong [featuring Notorious BIG] 
 Role Model
 Kill You
 Shit On You [featuring D12]
 Criminal
 Renegade [featuring Jay-Z]
 Just Don't Give A Fuck

Eminem Presents The Re-Up


Eminem Presents the Re-Up é um álbum compilação do Eminem, foi lançado oficialmente pela Shady Records no dia 5 de dezembro de 2006.
The Re-Up é produzido pelo rapper Eminem que reúne vários artistas do estilo. O álbum contém vinte e três faixas, sendo que doze foram produzidas pelo próprio Eminem. Destaques para as canções "We Ride for Shady", "You Don't Know" e "Whatever You Want". O álbum traz músicas de Obie Trice, Bizarre, Kuniva, Proof, Swifty, Eminem, Mr. Porter (mais conhecido como Kon Artis), Stat Quo e os novos membros da Shady Records, Bobby Creekwater e Ca$his. Esse álbum era para ter sido um mixtape sendo lançado com edições limitadas, mas Eminem gostou tanto do projeto que decidiu expandir e torná-lo um álbum oficial. "The Re-Up" conta com produções do Alchemist também.
"Eminem Presents the Re-Up" começou por ser um projeto de rua, um álbum não oficial, underground, com baixos valores de custos de produção, concebido para ajudar os novos artistas da Shady Records, como Stat Quo, Ca$his e Bobby Creekwater. Contudo, o que aconteceu foi que o "material era tão bom que as canções começaram a ser produzidas como para um disco normal", disse Eminem.
"Em vez de colocarmos isto na rua como um produto caseiro, inacabado, pensei que deveríamos juntar mais canções, fazer um disco a sério e colocá-los nas lojas de discos para dar a estes artistas o lugar que merecem." 
O álbum tem produção executiva de Eminem, que também produz quase a totalidade das canções. Uma mão cheia de temas foi entregue a The Alchemist, conhecido pelos seus trabalhos com Cypress Hill, Nas, Snoop Dogg, Mobb Deep e Jadakiss. Todos os temas são inéditos e fazem a sua estreia oficial em "Eminem Presents: The Re-Up".
O primeiro single e vídeo foi "You Don't Know", tema que apresenta Eminem a cantar em parceria com Ca$his, 50 Cent e Lloyd Banks, os dois primeiros a alinharem pela Shady e os outros dois pela G-Unit. O álbum conta ainda com as participações do D12, Obie Trice e Akon, e o segundo single foi "Jimmy Crack Corn" com participação de 50 Cent, que atingiu a primeira posição na Bubbling Under Hot 100 Singles, nos Estados Unidos.
Na Billboard 200, o álbum estreou na segunda posição atrás apenas do álbum Ciara: The Evolution da cantora Ciara, vendendo cerca de 309 mil cópias em sua primeira semana. O álbum foi certificado platina pela Recording Industry Association of America, vendendo 1.6 milhões de cópias nos Estados Unidos. É atualmente #18 no top álbuns compilações. O álbum, desde então, vendeu mais de 2,5 milhões de cópias em todo o mundo.

Faixas

Shady Narcotics (intro) (Eminem)
We're Back (Eminem, Obie Trice, Start Quo, Bobby, Creekwater, Ca$his)
Pistol, Pistol (remix) (Obie Trice)
Murder (Bizarre, Kuniva)
Everything Is Shady (Ca$his)
The Re-Up (Eminem, 50 Cent)
You Don't Know (Eminem, 50 Cent, Ca$is, Lloyd Banks)
Jimmy Crack Corn (Eminem, 50 Cent)
Trapped (Proof)
Whatever You Want (Kon Artis, Swifty, McVay)
Talkin' All That (Ca$his)
By My Side (Star Quo)
We Ride For Shady (Obie Trice, Ca$his)
There He Is (Bobby Creekwater)
Tryin' Ta Win (Start Quo)
Smack That remix (Akon, Start Quo, Bobby Creekwater)
Public Enemy #1 (Eminem)
Get Low (Start Quo)
Ski Mask Way (Eminem remix) (50 Cent)
Shack That (remix) (Eminem, Nate Dogg, Obie Trice, Bobby Creekwater)
Cry Now (Shady remix) (Obie Trice, Kuniva, Bobby Creekwater, Ca$his, Start Quo)
No Apologies (Eminem)

Relapse


Relapse (em português: Recaída) é o sexto álbum de estúdio do Eminem. Foi lançado no dia 15 de maio de 2009 pela gravadora Interscope Records, juntamente com as subdisiárias Aftermath Entertainment e Shady Records. Houve boatos de que o álbum fosse chamado de King Mathers ou The Empact, mas depois Eminem disse na noite em que estava lançando seu livro autobiográfico The Way I Am pela sua rádio Shade 45, que o álbum se chamaria Relapse.
Semelhantemente aos registros anteriores, o álbum conta com poucas participações, mais especificamente apenas em duas faixas. Dr. Dre colabora nas faixas "Old Times Sake" e "Crack a Bottle", enquanto 50 Cent participa apenas desta última.
O primeiro single do álbum chama-se "Crack a Bottle" (com participação de Dr. Dre e 50 Cent) e foi lançado em 2 de fevereiro de 2009, e ficou em primeiro lugar nos Estados Unidos. O segundo single foi "We Made You", o terceiro "3AM", o quarto "Old Times Sake" e o quinto "Beautiful".
O álbum estreou em 1º na Billboard 200 com 608 mil cópias vendidas na primeira semana nos EUA. No Japão, segundo a Oricon o álbum permaneceu por uma semana no mês de junho de 2009 como o mais vendido.

Faixas

Dr. West (skit)
3AM
My Mom
Insane
Bagpipes From Baghdad
Hello
Tonya (skit)
Same Song & Dance
We Made You
Medicine Ball
Paul (skit)
Stay Wide Awake
Old' Times Shake (Feat Dr. Dre)
Must Be The Ganja
Mr. Mathers
Déjá Vu
Beautiful
Crack A Botlle (Feat Dr. Dre, 50 Cent)
Steve Berman (skit)
Underground

Segundo o site de Eminem, duas faixas bônus estará disponível quando o álbum for adquirido a partir do site do cantor.

Faixas Bonus

My Darling
Careful What You Wish For

Relapse: Refil


O re-lançamento de Relapse, intitulado Relapse: Refill, inclui sete faixas bônus, incluindo o single "Forever", com participação de Drake, Kanye West e Lil Wayne, "Taking My Ball" (também lançado com o videogame DJ Hero), e cinco novas faixas. Relapse: Refill foi lançado no dia 21 de dezembro de 2009.

Faixas

Forever (Feat Drake, Kanye West, Lil Wayne)
Hell Breaks Loose (Feat Dr. Dre)
Buffalo Bill
Elevator
Taking My Ball
Music Box
Drop The Bomb On Em

Recovery



Recovery é o sétimo álbum de estúdio do Eminem.Recovery foi confirmado durante uma entrevista coletiva com Eminem em 5 de março de 2009 e o título original deveria ser Relapse 2. Deveria ser o segundo álbum de Eminem a ser lançando em 2009, depois que Relapse, mas acabou sendo empurrado para 2010. O álbum foi então renomeado Recovery e foi confirmado a nova data de lançamento sendo 21 de junho no Reino Unido, sendo que no restante da Europa foi lançado em 18 de junho e nos Estados Unidos em 22 de junho.
O álbum estreou nos Estados Unidos vendendo mais de 700 mil cópias na primeira semana de vendas e atingiu a primeira posição na Billboard 200. O CD se tornou o sexto álbum consecutivo de Eminem a alcançar o primeiro lugar nas paradas de vendas nos EUA, e ficou no topo por sete semanas. O álbum também foi um sucesso comercial pelo mundo, se tornando o disco mais vendido em vários países e produziu três singles de enorme sucesso, incluindo a canção "No Love" e os hits internacionais "Not Afraid" e "Love the Way You Lie", que ocuparam o topo das paradas da revista Billboard. Apesar das criticas quanto à consistência, Recovery foi bem recebido pelos críticos. Em 4 de novembro de 2010, o álbum havia vendido cerca de 3,4 milhões de cópias apenas nos Estados Unidos.

Bastidores


O álbum, votado como o mais antecipado de 2009 pela revista XXL, foi anunciado em 5 de maio de 2009 pela Interscope Records quando eles anunciaram o lançamento do álbum Relapse e falaram que o álbum seguinte, Relapse 2, seria lançado na segunda metade daquele ano. Em uma conferência de imprensa, Eminem explicou que ele e Dr. Dre gravaram uma enorme quantidade de músicas e assim, "adiar Relapse 2 deixará que todos peguem o que há de melhor." De acordo com a entrevista de Angela Yee com Eminem em 23 de novembro de 2009, Relapse 2 seria uma continuação de Relapse.Durante a entrevista Eminem também teria dito que "o álbum está muito próximo de ser terminado, depende apenas de quantas canções eu quero colocar no CD."Em 25 de junho de 2009 Eminem chamou a Shade 45 e disse que terminou Relapse 2 e que o disco deveria ser lançado no final de 2009,com a revista Rolling Stone falando que o álbum seria liberado em novembro de 2009,mas em novembro de 2009, ele falou que relançaria Relapse, com canções extras, para acalmar os fãs e lançar Relapse 2 apenas em 2010. 

Em outra entrevista para a Shade 45, Eminem disse que o álbum estava mais "emocionalmente orientado" que a primeira gravação de Relapse, que foi, como ele explicou, "[apenas] rap".
No lançamento do single de estréia, Eminem disse que este álbum teria mais canções que os anteriores.

Divulgação

Eminem deu várias entrevistas para ajudar a promover seu álbum. Um comercial de Recovery estreou durante o Jogo 6 das Finais da NBA de 2010. Em 15 de junho, Eminem se juntou a alguns artistas como Usher e Will.i.am na entrevista coletiva da Activision durante o Electronic Entertainment Expo de 2010 com Rihanna onde eles cantaram "Love the Way You Lie". Além disso, Eminem também cantou "Lose Yourself", "Not Afraid" e estreou a canção "Won't Back Down".Eminem também apareceu no programa Daily 10 do canal E! para uma entrevista. Ele também fez uma curta aparição no The Soup. Eminem também se apresentou durante o BET Awards de 2010.


Artwork

O desenho da capa do álbum foi liberada pela primeira vez no Eminem.com. O álbum tem duas capas: Uma com Eminem andando numa rodovia no campo e a outra é ele sentado numa sala trasparente no meio de Detroit com o Renaissance Center ao fundo. O álbum é dedicado a "todos que estão num lugar escuro no momento e está tentando sair desta situação.

Singles

O primeiro single do álbum, "Not Afraid" vendeu 380.000 downloads digital na primeira semana de lançamento e se tornou a décima-sexta canção na história da Billboard Hot 100 a estrear logo na primeira posição. "Not Afraid" é apenas o segundo single de hip hop a debutar em N° 1 depois de "I'll Be Missing You" de Puff Daddy e Faith Evans da 112.Esta canção recebeu boas criticas devido a sua expressão emocional, as habilidades de Eminem em rimas e ele conseguindo trabalhar com vários produtores (suas músicas são normalmente produzidas pelo seu mentor, Dr. Dre, ou pelo próprio Eminem). A revista Rolling Stone elogiou o compromisso de Eminem com sua música e sua habilidade em escrever, "sobre uma batida obscura e dramática, Eminem dá um ritmo tipicamente acrobático. Mas a raiva tem suas qualidades."
O segundo single foi liberado em 21 de junho de 2010, intitulado "Love the Way You Lie" que conta com a participação da cantora Rihanna.A canção foi tão bem sucedida quando sua antecessora e estreou em segundo lugar na Billboard Hot 100; Mais tarde ela ocuparia o primeiro lugar nesta que é a mais importante tabela musical dos Estados Unidos, e permaneceu como número #1 nos EUA por cinco semanas. A canção deu a Eminem seu quarto hit a chegar em primeiro lugar na Hot 100 norte-americana. A canção também chegou ao top 10 de outras oito charts. A música foi muito bem recebida pelos criticos. Michael Menachem, da Billboard, deu um parecer positivo ao single, "o refrão de Rihanna é esperançoso e triste, complementando o turbilhão da obscuridade do Eminem. O produtor Alex da Kid leva jeito para essas instrumentações mainstream clássicas e ele sementa a história com habilidade, com os dois artistas se complementando perfeitamente." Nick Levine da Digital Spy deu a canção quatro de cinco estrelas.A BBC Radio 1 deu a canção quatro de cinco estrelas dizendo que "essa letra não é autobiográfica [...] É um dos vôos de fantasia do Eminem, embora seja ambientada em uma situação bem real. Ele claramente entende o fator psicológico aqui, expressando sentimentos com muita clareza. O papel de Rihanna também é muito interessante."
"No Love", que conta com a participação do rapper Lil Wayne, foi o terceiro single so album.A canção fala sobre pessoas que desapontaram Eminem e Lil Wayne no passado.A canção tem um pouco da música "What Is Love" do Haddaway. Eminem disse que a participação do Lil Wayne no álbum do Eminem foi feita depois que Eminem fez a canção "Drop the World" que aparece no álbum Rebirth do Lil Wayne.
Eminem anunciou em seu Twitter que o videoclipe para "No Love" seria lançado "muito em breve". Ele também falou via Twitter que ele gravou a parte com Lil Wayne antes que ele fosse para a cadeia: "Por sorte, nós conseguimos filmar a parte com Wayne antes que ele fosse preso. Filmaremos o resto de "No Love" em breve!"Uma parte do video foi revelado na página oficial do Eminem no YouTube em 29 de setembro de 2010. O video estreou oficialmente em 30 de setembro no Eminem.com.
O video mostra um garoto sofrendo bullying de três outros rapazes na escola, e logo ele pretende enfrenta-los.
O video foi dirigito por Chris Robinson, que também dirigiu o clipe da canção "Drop the World" com Eminem e Lil Wayne.
"No Love" estreou na Billboard Hot 100 na posição #23 junto com o lançamento do álbum Recovery. A canção re-entrou no Hot 100 na posição #89 depois que foi oficialmente lançado como single e depois chegou a posição #63 na principal tabela norte-americana.

"Space Bound" que foi anunciada pra ser lançada como o quarto single do seu sétimo album de estúdio Recovery.A canção é produzida pelo produtor de Hip-Hop americano Jim Jonsin.
Um videoclipe foi filmado em fevereiro de 2011,pelo diretor Joseph Kahn e conta com a modelo e atriz Sasha Grey. O video foi lançado na iTunes Store em 24 de Junho, 2011.E é sobre um casal em que a namorada,interpretada por Sasha Grey,secretamente engana seu namorado,Eminem,no que se torna em um conflito violento.O video mostra dois lados de Eminem;um em que é calmo e ama sua namorada e outro que é agressivo.O video recebeu atençao por uma cena em que Eminem atira em si mesmo na cabeça por frustração.

As canções "25 to Life", "Won't Back Down", "Cinderella Man", "Talkin 2 Myself", "Space Bound" e "Cold Wind Blows" também entraram no Hot 100 sem terem sido lançados como single.

Faixas

Cold Wind Blows
Talkin' 2 Myself (Feat Kobe)
On Fire
Won't Back Down (Feat Pink)
W.T.P. (White Trash Party)
Going Through Changes
Not Afraid
Sedaction
No Love (Feat Lil Wayne)
Space Bound
Cinderella Man
25 To Life
So Bad
Almost Famous
Love The Way You Lie (Feat Rihanna)
You're Never Over
Untitled (faixa secreta)

Faixas Bonus

Ridez
Session One (Feat Slaughtehouse)
Video Bonus Do Itunes
Not Afraid (Video Clipe Musical)
A versão Deluxu ainda conta com um Booklet, contendo créditos, letras. Todas as faixas foram compostas por Eminem.

Bad Meets Evil Hell: The Sequel


Hell: The Sequel ( em português Inferno: A Continuação) é o primeiro EP sa dupla Bad Meets Evil, formado pelos rappers Eminem e Royce Da 5'9. Lançado em 14 de junho de 2011 nos Estados Unidos, pela Interscope Records e Shady Records. Precedentes e produção


O EP está para ser anunciado há tempos, mais especificamente logo depois do lançamento do single "Nuttin' to Do", de 1999, dentro deste periodo, Eminem e 5'9" tiveram um grande histórico de colaborações em várias canções ("2.0 Boys", "Session One", "Rock City", "She's the One", "Writer's Block"), porém, no inicio de 2011 com a entrada do super grupo de rap Slaughterhouse (formado por 5'9", Crooked I, Joe Budden e Joel Ortiz) à Shady Records, o EP foi confirmado.
o EP teve vários vazamentos durante seu percurso até o lançamento, como as faixas "Living Proof", "Echo", "Fast Lane", "I'm on Everything", "Lighters"e "Loud Noises", além disso usou a canção "Fast Lane" como single de promoção. O cover do álbum foi fotografado e composto pelo artista gráfico Danny Hastings, o mesmo que criou as artes da capa dos álbums The Slim Shady LP de Eminem e Enter the Wu-Tang (36 Chambers) do Wu-Tang Clan. Hatings apresenta em sua obra 5'9" e Matthers sentados em Speakers com discos, com caveiras nas nuvens, além do logo da dupla no centro-superior da imagem.
Hell: the Sequel apresenta produções de Eminem, Supa Dups, Havoc, Sid Roams, Mr. Porter e os companheiros de produção de Bruno Mars, The Smeezingtons, Bangladesh, Battle Roy e DJ Khalil; já nas participações os nomes de Mars, do super grupo Slaughterhouse, o comediante Mike Epps e a afiliada de Dr. Dre e Eminem e também vocalista dos New Royales (que colaboram na canção "Can't Stop Me Now" de Pitbull e "The One" do Slaughterhouse), Liz Rodriguez.

Singles

O single (pt.: solteiro, ou seja uma canção realizada autônoma ao álbum) usado para a promoção deste é "Fast Lane", uma canção produzida pelo próprio Eminem e uma produção adicional do produtor Supa Dups, que lançada em 3 de Maio de 2011, é estruturada em uma refrão e duas estrofes longas, divididas em duas partes, uma e primeira cantada por Royce da 5'9" e a outra e segunda em sequência, interpretada por Eminem. O refrão da faixa é cantado, porém não reconhecido, pelo cantor Sly, o mesmo que interpreta trechos na ponte da canção "Kush", de Dr. Dre. O vídeo, ainda não lançado, relaciona os personagens e animações. A canção tem certas polêmicas, pois no seu verso, Eminem cita que tem desejo de praticar sexo anal com a rapper Nicki Minaj, que mesmo sendo em tom irônico pode ser mal-interpretada.
"Lighters" é o segundo single do EP Hell: The Sequel da dupla de hip hop Bad Meets Evil, formado pelos rappers Eminem e Royce da 5'9", e conta com a participação especial do americano Bruno Mars.
No dia 25 de abril de 2011 vazou uma demo, da música na rede. Pouco tempo depois a música foi lançada oficialmente na loja digital iTunes Store e pela Amazon.
Nadine Cheung da AOL Radio elogiou o tom baixo da música,o que valoriza a voz de Bruno Mars. Gabi Gregg de TJ MTV disse que a música lembra as músicas do álbum Doo-Wops & Hooligans. Elogia também os vocais da dupla e diz que Eminem mesmo sendo um rapper ele é muito afinado.

Faixas

Welcome 2 Hell
Fast Lane
The Reunion
Above The Law
I'm On Everything (Feat Mike Epps)
A Kiss
Lighters (Feat Bruno Mars)
Take From Me
Loun Noises (Feat Slaughterhouse)

Faixas Bonus

Living Proof
Echo feat Liz Rodrigues

Um comentário:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...